PortuguesePortuguese

Melhorar O Teu Fraseado De Guitarra – Parte 1

de Nick Layton


Muitas vezes, vais ouvir/ ler guitarristas profissionais falando sobre o elusivo tema, que é, o fraseado de guitarra. Os professores de guitarra falam sobre isso nas suas aulas e livros. Ouvimos falar do quão importante é, ter um bom fraseado de guitarra e passar tempo a trabalhar nele. Bem, o que diabos é, o fraseado afinal? E, se é que podemos defini-lo, porque é que é importante? Antes de continuar, testa-te aqui, para ver se realmente sabes o que é bom fraseado de guitarra e como deve ser praticado.

O meu objectivo com este artigo é esclarecer qualquer confusão que haja sobre o que é o fraseado e, mais importante, mostrar porque é criticamente importante para ti como guitarrista desenvolvê-lo. Finalmente, vou mostrar-te algumas maneiras muito fáceis e práticas para melhorar drasticamente os teus improvisos e solos de guitarra, quase imediatamente, apenas mudando a forma como abordas a guitarra e como pensas sobre o fraseado.

Certa vez, tentei explicar o que é o fraseado de guitarra a uma amiga que não era música. Ela tinha ouvido alguém referir-se a um solo de guitarra como tendo um "bom fraseado de guitarra", e ela queria entender o que significava. A linguagem musica,l não costuma funcionar com não músicos, então, eu tive que pensar numa maneira de lhe explicar em termos simples. Depois de dar-lhe algum pensamento, resolvi que a melhor explicação seria fazer uma analogia com a fala humana, algo com que todos se podem relacionar, certo?

Quando falamos, usamos palavras para transmitir um significado para o ouvinte. Nós combinamos essas palavras para fazer frases. Mas, nós não só usamos as palavras e frases. Da maneira como nós dizemos alguma coisa e como usamos as palavras, pode fazer uma enorme diferença, no sentido do que estamos a dizer e para a interpretação do ouvinte. Se estamos zangados, podemos levantar a nossa voz, ou se estamos tristes podemos sussurrar... nós podemos fazer uma pausa para causar efeito, ou ênfase, a uma determinada palavra. Usamos inflexões para dar mais significado às coisas que dizemos. Este processo que nós usamos quando falamos é chamada fraseado. Nós todos temos o nosso próprio estilo de fraseado ou maneira de falar e usar as palavras. Na maioria das vezes isso acontece naturalmente e inconscientemente.

Na analogia que fiz à minha amiga, eu expliquei-lhe, que quando improviso um solo de guitarra utilizo o mesmo processo que uso quando estou falando com alguém. Quando eu estou falando, primeiro eu penso sobre o que eu quero dizer, baseando-me nas circunstâncias e em como estou-me sentindo, então, eu desenho no meu vocabulário de palavras e coloco-as juntas para formar uma frase (ou frases). Eu uso inflexões, dinâmica, e faço pausas para clarificar os meus pontos. O objectivo é expressar totalmente ao ouvinte, o que eu quero dizer.

Quando eu toco um solo de guitarra, o mesmo processo acontece… mas em vez de usar palavras eu uso frequências musicais (notas), ritmo, articulação e dinâmica. Primeiro penso sobre o que eu quero "dizer" com a minha guitarra, depois, eu desenho no meu vocabulário de ideias e técnicas, e toco notas num contexto musical, com base, em como eu estou me sentindo. Mas não basta tocar as notas. Eu poderei tocar mais rápido para aumentar a intensidade, ou talvez, suster uma nota e dar-lhe um amplo vibrato para adicionar emoção.

Agora, já deve estar claro que o fraseado, seja ele na fala, ou a tocar guitarra, não é tanto sobre o que está sendo dito, mas, como é dito... ou tocado.

Então, como é que tudo isto se relaciona com tornares-te num melhor guitarrista?

Na minha opinião, a capacidade de um guitarrista 'frasear” é, talvez, uma das maiores habilidades que ele / ela pode possuir, pois está directamente relacionada à auto-expressão. Além disso, o fraseado de guitarra é uma das menos desenvolvidas habilidades que os guitarristas têm hoje. Como professor de guitarra, tenho notado que a maioria dos guitarristas está fora de equilíbrio. À medida que progridem até ao estado intermediário / avançado, geralmente têm boa técnica, mas, subdesenvolvidas habilidades de fraseado de guitarra. Eu costumo por os meus alunos em destaque, pedindo-lhes para tocar do coração e improvisarem um solo de guitarra. Sabes o que geralmente acontece? Eles olham para mim com um olhar vazio de confusão, não crendo que eu iria pedir uma coisa dessas. Após o olhar vazio, eu geralmente, e gentilmente, encorajo-os a tocar qualquer coisa. Normalmente o que sai (se alguma coisa) é algum exercício sem sentido, ou um lick.

Aqui está, um grande problema que a maioria dos guitarristas encara nestes dias de tablatura da internet e falta de atenção - eles não sabem como se expressar. Se conseguires isso, e entendes que a auto-expressão é, talvez, o maior objectivo musical que podes ter, podes evitar o destino que a maior parte dos guitarristas de tablatura-e-dedos vão ter. A maioria deles vai desistir pela frustração, ou tédio. Afinal, quão divertido é tocar música e guitarra, se não te estás expressando?

A técnica é muito importante, de certeza, e aprender canções de outras pessoas e tablatura tem o seu lugar. Mas a auto-expressão acontece, quando o teu coração, as tuas emoções, o teu cérebro, os teus ouvidos, os teus pensamentos, os teus conhecimentos, e os teus dedos se unem simultaneamente. Esta é uma habilidade que podes desenvolver. Mas, para isso, deves mudar não só o que e como praticas, mas também a forma como pensas.

Eu acredito, que de todos os músicos, são os guitarristas que têm as habilidades de fraseado menos desenvolvidas. A razão pela qual estou dizendo isso é, porque eu acho que há razões muito óbvias para que esse problema exista e que através da compreensão do problema, podemos começar a solucioná-lo.

Para ilustrar o que está no cerne do problema, vamos examinar como um saxofonista fraseia e comparar, o seu fraseado, com o fraseado da maioria dos guitarristas. Um saxofonista (ou qualquer musico de instrumento de sopro) gera som usando o seu sopro (ou respiração), que vem dos seus pulmões. Só Isso, origina uma forma muito natural de fraseado. Por quê? Porque eles têm de usar o sopro com moderação ou vão ficar sem fôlego. Os pulmões só podem gerar uma certa quantidade de ar para ser soprado de cada vez, que eles têm que gerir da forma como vai ser usado. Eles podem fazer uma pausa durante uma frase musical, para recuperar o fôlego antes de continuar, e costumam tocar uma passagem rápida fazendo uma pausa e uma respiração antes.

Isto é como falar. Temos que fazer uma pausa quando falamos (para recuperar fôlego) e precisamos de pausar para permitir que as nossas palavras entrem. A maioria dos tocadores de instrumentos de sopro desenvolveu um estilo de fraseado muito natural, devido às limitações inerentes de respirar para fazer soar as notas. As suas frases têm começos e fins, bem como tempo natural; mas também têm muita dinâmica e nuances.

Poderá ser, que os guitarristas em geral, têm habilidades de fraseado menos desenvolvidos, pois, normalmente primeiro aprendem a tocar com os dedos? Aprendemos exercícios de dedos, licks e coisas para nos ajudar a desenvolver a nossa técnica, e essas coisas podem ser boas, mas, isso realmente não nos mostra como frasear, nem como expressarmo-nos. Os músicos de instrumentos de sopro fazem isso desde o primeiro dia.

Quantos guitarristas conheces, que tocam notas incessantemente sem sequer pausar? Alguns guitarristas têm má reputação por não pausar... e com razão! O seu tocar não tem fraseado natural - não há espaço que permita as notas afundarem-se no ouvinte.

Ok, então falamos sobre o fraseado de guitarra e por que é importante, e determinamos que a maioria dos guitarristas necessita melhorar nesta área. Então, o que podemos fazer para mudar isso? A boa notícia é, que acho que podemos começar a melhorar o nosso fraseado de guitarra imediata e drasticamente, apenas mudando a forma como pensamos.

As primeiras coisa que podemos fazer é, simplesmente, começar a relacionar o nosso tocar com o discurso. Pensa em todas as coisas que compõem o discurso e tenta implementá-las ao teu tocar. Pensa em termos de orações, quando tocas uma frase. Tenta fazer pausas mais frequentemente, como farias se estivesses falando. Pensa em como podes usar o instrumento para fazer as notas soarem como se estivessem falando (ou seja: usar inflexões, dinâmica / volume, vibrato, bends, legato, staccato, etc.)

Em segundo lugar, ouve grandes saxofonistas, ou trompetistas. Nota, como o seu fraseado é geralmente superior ao da maioria dos guitarristas. Vê, se consegues aplicar o que ouves ao teu tocar, no teu estilo.

Em terceiro lugar, ouve guitarristas que têm um grande fraseado. Estuda-os, analisa-os e usa o que aprenderes. No, "Melhorar o teu fraseado de guitarra - Parte II," vamos olhar para alguns exemplos específicos de bom fraseado de diversos guitarristas que se destacam nesta área.

Acabando, eu gostaria de salientar que, se começaste a pensar sobre estas coisas, já estás à frente da maioria dos guitarristas. Tuestás no caminho para aprender a te expressares. No entanto, não é suficiente saber o que é o fraseado, ou só saber algumas maneiras pelas quais podes melhorar o teu fraseado de guitarra. A chave é, aplicar. O conhecimento não é suficiente, tu deves começar a colocar esse conhecimento em acção. Os meus próximos artigos incidirão sobre o processo de aplicação. Além disso, observa que, no questionário mencionado no início do artigo, a maioria das perguntas giraram em torno passos de acção (o que fazes / treinas), em vez dos conceitos mentais (o que "sabes").

Até à próxima vez, deixo-vos com esta citação do mestre motivador Napoleon Hill:
"A FELICIDADE é encontrada no FAZER não apenas em possuir!"

Se gostaste deste artigo podes ver estes recursos úteis:

Nick Layton é um guitarrista/ compositor profissional que vive em Vancouver, WA. O seu CD de estreia intitulado Storming The Castle está disponível agora e tem como características de composição metal épico e virtuosidade na guitarra. Visita: nicklayton.com e enviapergutas / comentários para nick@nicklayton.com


Solve your guitar playing problems with the best internet guitar lessons.

© 2002-2017 Tom Hess Music Corporation